Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ridi.ibict.br/handle/123456789/974
Tipo: Tese
Título: Análise do uso de conteúdo disponível em repositórios institucionais de instituições de ensino superior ibero-americanas: um estudo cientométrico na base Scopus
Autor(es): Carvalho, Ana Maria Ferreira de
Primeiro orientador: Gouveia, Fábio Castro
Membro da banca: Oliveira, Eloisa da Conceição Príncipe de
Membro da banca: Albagli, Sarita
Membro da banca: Araújo, Kizi Mendonça de
Membro da banca: Weitzel, Simone da Rocha
Resumo: Esta pesquisa objetiva analisar, à luz dos pressupostos do acesso aberto e da estratégia Acesso Aberto Verde, o uso do conteúdo disponível em repositórios institucionais de instituições de ensino superior ibero-americanas e seu impacto na produção de novos conhecimentos. Tem como corpus a base de dados científica Scopus e como limite temporal os 15 anos do Movimento de Acesso Aberto (2002-2016). Destacam-se os repositórios institucionais de instituições de ensino superior no Brasil e em Portugal, analisando com mais detalhes as teses e dissertações. Justifica-se no papel fundamental dos repositórios institucionais como fonte de informação em acesso aberto para produção de novos conhecimentos e o avanço do Movimento de Acesso Aberto. Ainda, por considerar a comemoração dos 15 anos do Movimento momento oportuno para avaliar o impacto deste recurso para a produção científica. Do ponto de vista da Ciência da Informação, a pesquisa está contextualizada no campo dos estudos métricos da informação, mais especificamente nos estudos cientométricos. Os procedimentos metodológicos utilizados foram de caráter empírico, com abordagem quantitativa e de natureza descritiva. Os dados para realização desta pesquisa foram coletados nos diretórios OpenDOAR e ROAR e na base Scopus, considerando o período entre os anos 2002 a 2016. Os resultados confirmam o sucesso do Movimento de Acesso Aberto no que se referente à expansão do número de repositórios institucionais, mas também ratificam seu baixo povoamento. Durante os 15 anos do Movimento de Acesso Aberto, o uso dos conteúdos dos repositórios institucionais de instituições de ensino superior ibero-americanas apresentou expressivo crescimento médio anual, ressaltando que os repositórios brasileiros apresentaram os melhores índices. Os resultados mostram que o maior reconhecimento pelos conteúdos desses repositórios vem de suas próprias instituições, que concentram o maior número de citantes. Os citantes são, em maioria, filiados a universidades, desenvolvem pesquisa na área das Ciências Sociais, em colaboração principalmente com autores espanhóis, brasileiros e portugueses, dentro do bloco ibero-americano e, fora do bloco, com autores norte-americanos e ingleses. Observa-se significativo engajamento pelos citantes aos princípios do Movimento de Acesso Aberto, uma vez que utilizam fontes de acesso aberto para obtenção de informação e publicam os resultados de sua pesquisa também em fontes de acesso aberto. No Brasil, a Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP e as teses e dissertações se destacaram em relação ao interesse da comunidade científica. Em Portugal, o RepositoriUM da Universidade do Minho se destacou em número de citantes, mas as teses e dissertações não foram as publicações de maior interesse, outros tipos documentais receberam mais citações no período. O indicador Impact Factor of Repository proposto nesta pesquisa mostrou que a Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP e o RepositoriUM da Universidade do Minho foram os repositórios que exercem maior influência e demonstram maior utilidade para a comunidade científica, promovendo, portanto, maior impacto em suas produções. Por fim, destacam-se os desafios que ainda precisam ser superados em relação ao povoamento e a utilidade dos repositórios institucionais para a comunidade científica, evidenciando ações e projetos que visam ao desenvolvimento de uma nova geração de repositórios institucionais.
Abstract: This research aims to analyze the use of available content in institutional repositories of Ibero- American higher education institutions and their impact on the production of new knowledge, considering the assumptions of the Open Access and Green Open Access strategy. It has as corpus the Scopus scientific database and time frame the 15 years of the Open Access Movement (2002-2016). The institutional repositories of higher education institutions in Brazil and Portugal are highlighted, analyzing theses and dissertations in more detail. It is justified in the fundamental role of institutional repositories as a source of information in open access for the production of new knowledge and for the advancement of the Open Access Movement. Also considering the commemoration of the 15 years of the Movement, it is time to evaluate the impact of this resource for scientific production. From the point of view of Information Science, the research is contextualized in the field of information metric studies, more specifically in scientometric studies. The methodological procedures used were empirical, with a quantitative approach and descriptive nature. The data for this research were collected in the OpenDOAR and ROAR directories and in the Scopus database, considering the period from 2002 to 2016. The results confirm the success of the Open Access Movement in the expansion of the number of repositories institutions, but also ratify their low population. During the 15 years of the Open Access Movement, the use of the contents of the institutional repositories of Ibero-American higher education institutions showed significant annual growth, emphasizing that Brazilian repositories presented the best indexes. The results show that the greatest recognition for the contents of these repositories comes from their own institutions that concentrate the largest number of citations. The majority of the cites are affiliated to universities, they carry out research in the Social Sciences, in collaboration with Spanish, Brazilian and Portuguese authors within the Ibero-American bloc and, outside the bloc, with American and English authors. There is a significant commitment by the citers to the principles of the Open Access Movement, since they use open access sources to obtain information and publish the results of their research also in open access sources. In Brazil, USP Digital Library of Theses and Dissertations and theses and dissertations stand out in relation to the interest of the scientific community. In Portugal, the RepositoriUM of the University of Minho excelled in number of citations, but theses and dissertations were not the most interesting publications, other documentary types received more citations in the period. The Repository Impact Factor indicator proposed in this research showed that the USP Digital Theses and Dissertations Library and the RepositoriUM of the University of Minho were the most influential repositories and demonstrate greater utility for the scientific community, thus promoting greater impact in their productions. Finally, the challenges that still need to be overcome in relation to the settlement and utility of the institutional repositories for the scientific community, actions and projects that aim at the development of a new generation of institutional repositories are highlighting.
Palavras-chave: Ciência da Informação
Repositório institucional
Acesso aberto
Cientometria
Literatura cinzenta
Métricas da informação
Institutional repository
Open access
Scientometric
Information Science
Grey literature
Information metrics
CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::CIENCIA DA INFORMACAO
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia/Universidade Federal do Rio de Janeiro
Sigla da instituição: IBICT/UFRJ
Departamento: Escola de Comunicação
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://ridi.ibict.br/handle/123456789/974
Data do documento: 31-Jul-2018
Aparece nas coleções:Teses e Dissertações do PPGCI IBICT-UFRJ

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TESE-ANA CARVALHO-DEFESA 31-07-2018.pdf7,72 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons