Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ridi.ibict.br/handle/123456789/891
Tipo: Tese
Título: Ciclo de vida do produto e a geração de ecoinovações: desafios para o Brasil
Autor(es): Motta, Wladmir Henriques
Primeiro orientador: Issberner, Liz-Rejane
Coorientador: Rios, Patrícia Prado
Membro da banca: Cavalcanti, Marcos do Couto Bezerra
Membro da banca: Albagli, Sarita
Membro da banca: Oliveira, Cecilia Leite
Membro da banca: Cassiolato, José Eduardo
Resumo: A geração de bens e serviços se desenvolve à custa da utilização dos recursos naturais e da produção e geração de descartes ao longo do processo produtivo, o que trouxe como consequências o aquecimento global e o esgotamento crescente dos recursos naturais, dentre outros graves problemas que provocam a deterioração das condições de vida no planeta. Analisar e compreender melhor o processo de geração e adoção de ecoinovações para um planeta sustentável é uma condição necessária para o enfrentamento desta crise ecológica e é nesse contexto que a revisão das práticas industriais se torna um importante elemento para revelar as áreas onde o esforço inovativo pode se concentrar. Esta tese discute a avaliação do ciclo de vida (ACV), uma abordagem de avaliação dos impactos ambientais que vem ganhando cada vez mais aceitação e que examina os impactos ambientais de um produto / serviço, a partir de suas origens, desde a extração das matérias-primas, considerando a produção e uso, até o seu descarte. A tese busca identificar a dinâmica que levou a sua difusão no mercado internacional, compreender seu atual estágio no Brasil, investigar a relação entre a ACV e a ecoinovação, identificar os condicionantes para a efetiva disseminação e uso da ACV no Brasil, identificando assim oportunidades para tal. Assim, seu objetivo principal é identificar as barreiras e oportunidades para a adoção das ferramentas relacionadas à abordagem do ciclo de vida do produto no Brasil, tendo em vista as possibilidades de geração de ecoinovações daí decorrentes. O campo teórico utilizado foi pautado em torno (i) da crise ecológica, com uma crítica ao atual modelo capitalista baseado no crescimento contínuo da produção e consumo; (ii) da ACV, uma metodologia que vem se tornando elemento chave de políticas ambientais ou de ações voluntárias em diversos países; e (iii) da ecoinovação, entendida como um tipo de inovação que resulta, através de sua vida útil, em uma redução do risco ambiental, da poluição e de outros impactos negativos quanto ao uso de recursos naturais. A metodologia da presente pesquisa foi desenvolvida a partir do levantamento teórico e sua discussão, e de uma pesquisa de campo de âmbito nacional e internacional, com utilização de questionários aplicados a especialistas na área de ACV. Os dados coletados a respeito da ACV ajudaram a apontar os condicionantes para seu uso, os impactos ambientais mais contemplados em seus estudos e suas complexidades. Ainda foi validada a inter-relação entre a ACV e a ecoinovação, identificando o ecodesign como a prática que mais evidência este vínculo. Os resultados apontam como determinantes para o uso da ACV: a regulamentação; o mercado; e a utilização das informações provenientes do estudo como insumo para a tomada de decisão. A fim de trazer uma proposta que colabore com a implementação da ACV no Brasil, o estudo sugere a pegada de carbono como precursora de estudos de ACV nas empresas brasileiras.
Abstract: The generation of goods and services develops at the expense of use of natural resources and the production and generation of discharges during the production process, which brought as consequences global warming and the increasing depletion of natural resources, among other serious problems that cause the deterioration of living conditions on the planet. Analyze and better understand the process of generation and adoption of eco-innovations for a sustainable planet is a necessary condition to face this ecological crisis and it is in this context that a review of industry practices becomes an important element to reveal the areas where innovative efforts can concentrate. This thesis discusses the Life Cycle Assessment (LCA), an evaluation approach of environmental impacts impacts of a product / service from its origins, from the extraction of raw raw, considering the production and use to disposal, that is gaining more acceptance. The thesis seeks to identify the dynamic that led to its spread in the international market, understand its current state in Brazil, investigate the relationship between the LCA and eco-innovation, identify constraints and opportunities to the effective dissemination and use of LCA in Brazil. The main goal of this thesis is to identify the barriers and opportunities for the adoption of product life cycle approach methodologies in Brazil, considering the possibilities for eco-innovation generation arising therefrom. The theoretical field used was guided around (i) the ecological crisis, with a critique of the current capitalist model based on continued growth in production and consumption; (ii) LCA, a methodology that is becoming a key element of environmental policies or voluntary activities in different countries; and (iii) eco-innovation, understood as a kind of innovation that results through its life cycle, in a reduction of environmental risk, pollution and other impacts on the use of natural resources. The methodology of this research was developed from theoretical research and discussion, and a national and international field research, using questionnaires given to profissionals and experts in the LCA field. The data collected about LCA helped point out conditioners for it use, the environmental impacts more included in their studies and the LCA complexities. Yet it has been validated the interrelationship between the LCA and eco-innovation, identifying the ecodesign as the practice that more evidence this link. The results show as drivers for LCA use: regulation; the market; and the use of information from the study as an input for decision making. In order to bring a proposal to collaborate with the implementation of the LCA in Brazil, the study suggests the carbon footprint as a precursor of LCA studies in Brazilian companies.
Palavras-chave: Avaliação do Ciclo de Vida (ACV)
Ecoinovação
Crise Ecológica
Pegada de Carbono
Rotulagem Ambiental
Life Cycle Assessment (LCA)
Eco-innovation
Ecological Crisis
Carbon Footprint
Environmental Labeling
CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::CIENCIA DA INFORMACAO
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia/Universidade Federal do Rio de Janeiro
Sigla da instituição: IBICT/UFRJ
Departamento: Escola de Comunicação
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://ridi.ibict.br/handle/123456789/891
Data do documento: 4-Abr-2016
Aparece nas coleções:Teses e Dissertações do PPGCI IBICT-UFRJ

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Wladmir Motta_Doutorado_2016.pdf3,55 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons